terça-feira, 17 de novembro de 2009

"se ele entendesse o que me fez sentir
tão sozinho
e como isso pode repercutir dentro de mim
tão calado
não estamparia na estante uma medalha
não pegaria mais nenhum livro na biblioteca
ficaria ao meu lado
para que eu cochilasse até as marchinhas
do ano que vem
tan-dan-tchun-tan-dan-tchun"